O cadastro positivo é um banco de dados criado pelos bureaus de crédito para dar uma nota ao comportamento financeiro do consumidor. É compulsório, ou seja, automaticamente os dados das pessoas estarão neste compilado, a menos que o indivíduo peça formalmente para que suas informações não apareçam.

No cadastro positivo, é possível visualizar todas as informações sobre pagamentos e operações financeiras que a pessoa faz, possibilitando ao credor ou lojista avaliar o comportamento da pessoa em relação ao dinheiro e sua pontualidade com o pagamento de contas. Então, eles poderão saber quanto gastamos com contas diversas, inclusive cartão de crédito, além de ver se mantemos as contas pagas em dia ou se atrasamos e por quanto tempo e quantas vezes.

O objetivo do cadastro positivo é permitir que os bons pagadores tenham acesso a taxas de juros mais atrativas e prazos de financiamento mais longos. Em resumo, poderão ter melhores condições ao contratar um produto financeiro ou fazer compras a prazo, por exemplo.

Por enquanto, o cadastro conta apenas com informações enviadas pelos bancos, mas a expectativa é que até o final deste primeiro semestre as concessionárias de água, gás e energia também informem sobre o comportamento financeiro de seus consumidores.

Para saber como está seu perfil no cadastro e qual nota você está, se está bem avaliado ou se precisa melhorar seu score, basta acessar o site dos quatro birôs de crédito autorizados pelo Banco Central a gerir o cadastro positivo, que são  Serasa, Boa Vista SCPC, SPC Brasil e Quod.

Para acessar, tenha em mãos seu nome completo, CPF, e-mail e número de telefone. Alguns sites podem pedir que envie uma foto dos documentos também.
Um adendo importante: se você achar que não vale a pena participar do cadastro positivo e não quer ter seus dados expostos, é um direito seu pedir que seja excluído. Basta fazer a solicitação no mesmo site dessas empresas. A exclusão deve ser feita em até dois dias. Caso isso não ocorra, faça uma reclamação nos órgãos de defesa do consumidor para que te ajudem a resolver rapidamente o problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *